15 Comentários

Amiga, acabo de sair de uma pausa longa na newsletter também (amanhã: tem) e compartilho muito dessa sensação. Absolutamente tudo tem o poder de nos sobrecarregar, mesmo coisas boas e escolhas nossas. Interessante saber que outras também estão passando por isso. E o aquecimento global tá puxado demais aqui em sp - fez de 12 e 30 graus nessa semana em poucos dias. Beijos e bom te ler!

Expand full comment
author

Eu dei uma passada no seu canto e vi que mesmo que estava desaparecida. É bom dar uma recarregada na bateria. Bem-vinda de volta ❤️

Expand full comment
Ago 10, 2023Gostado por Lalai Persson

Fiquei me lembrando de um outro tempo extra que a gente costuma achar que tem: aquele que sobra e a gente usa pra "adiantar" uma tarefa. Essa situação sempre me pareceu meio paradoxal, porque assim que a gente adianta algo, automaticamente aparece outra tarefa pra ser resolvida no lugar no futuro, fazendo com que o tempo extra também não exista.

Fiquei curiosa com esse livro de ensaios da Le Guinn.

Expand full comment
author

Exato. E vamos envelhecendo, a percepção do tempo muda deixando-o mais curto e a sensação é de que não há mais esse tempo “livre”, especial porque estamos sempre sentindo essa necessidade de produzir. E recomendo bastante a leitura desse livro da Le Guin. É uma mistura de temas bem escolhidos e, claro, que foi justamente a do tempo e envelhecer que me pegaram.

Expand full comment

Lalai, você leu o “4000 weeks”? Eu comecei a ouvir o audiobook essa semana e tô amando. Ele traz toda uma reflexão sobre quando tornamos o tempo algo mensurável e como isso mudou a nossa relação com ele, e sobre a falência dos métodos de produtividade. Me parece uma reflexão bonita sobre como lidamos com o temor da finitude. (Mas ainda não li/ouvi nem 10% kkkkkk)

Expand full comment
author

Não tinha ouvido falar. Acabei de pedir on-line e fiquei ansiosa. Hahahaha ❤️

Expand full comment

Ahahahha espero que você goste!

Expand full comment

Como tenho pensado nessa questão do tempo, das pausas. Exaustão batendo na porta aqui. Como diz minha filha de cinco anos "mamãe, você precisa de um recreio na sua vida".

Expand full comment
author

Amei a frase da sua filha. Ela está certíssima, estamos exaustas da vida adulta.

Expand full comment

Bonita demais suas reflexão e compartilho de várias sensações. Aproveito para dizer que A Vida Pela Frente é realmente muito bom e eu quero muito reler.

Expand full comment
author

Obrigada ❤️

Expand full comment

tenho falado muito disso na análise - do quanto até mesmo a escrita da newsletter acabou por se tornar um fardo e uma sobrecarga na loucura dos dias. me identifiquei muito! e também quero ler demais o "sem tempo a perder", to doida pra começar. que bom te ler. 🖤

Expand full comment
author

Leia sim, eu amei muito. Estou buscando essa dosagem entre o prazer da newsletter e o trabalho de fato que da fazê-la.

Expand full comment